Buscar

Os dois extremos da vida de um jornalista

Bruno Marinho, Guilherme Mendonça e Jorge Baldner


Imagem: Reprodução - TNT Sports


Os jornalistas Tati Mantovani e Fred Caldeira foram os convidados do ECOcast que foi ao ar na sexta-feira (17/06). Neste episódio, eles falaram sobre futebol, experiências no jornalismo, questões políticas que afetam o futebol e a dificuldade das mulheres exercerem o seu trabalho.

De acordo com Tati Mantovani, sua experiência na Rádio Gaúcha foi o que mais contribuiu para a sua facilidade e desenvoltura na arte de entrevistar. Na mesma linha, Fred disse que o fato de já ter exercido as funções de câmera e apresentador contribuíram para ter um destaque no mercado brasileiro, haja vista a precarização do jornalismo no país.


Um dos principais momentos da carreira de Tati foi acompanhar o espetacular time do Real Madrid que tinha astros como Cristiano Ronaldo, Luka Modric e companhia. Segundo a jornalista, a relação com os jogadores era ótima, as entrevistas eram sempre muito divertidas e com um grau de intimidade impressionante. Ela diz só ter se dado conta de como aqueles momentos foram únicos e mágicos quando tudo isso acabou, principalmente com a saída do principal e melhor jogador do mundo na época, Cristiano Ronaldo.


Infelizmente, a carreira de uma jornalista esportiva consolidada no cenário nacional e internacional como a de Tati não é feita apenas de bons momentos. No episódio, ela falou um pouco sobre os obstáculos que precisam ser ultrapassados para as mulheres se tornarem jornalistas no ramo esportivo. Apesar de nunca ter sofrido nenhum tipo de abuso por outros profissionais, Tati já foi vítima de assédio por parte de torcedores do clube holandês PSV em uma partida contra o Atlético de Madrid. Depois desse ocorrido, a gravação fora do estádio passou a ser uma preocupação constante devido à falta de segurança e respeito.


A jornalista também contou como tais situações contra as mulheres são mascaradas em competições mundiais. A Copa do Mundo é um exemplo disso, que no ano de 2022 será realizada no Catar, local que culturalmente limita os direitos das mulheres. Tati afirma que não veremos nenhum caso de assédio contra as mulheres durante a Copa do Mundo, pois essa triste realidade será mascarada. Entretanto, a realidade do país no resto dos dias é de diferente visto que é um país que sustenta a tutela masculina até os dias de hoje.


Fred também falou sobre a violência relacionada ao futebol, porém numa linha diferente. Para ele, há outro tipo de violência relacionada ao tabu que é para os jornalistas esportivos exporem seus clubes de coração. A falta de maturidade relacionada a tal assunto é consideravelmente maior no Brasil, onde o futebol se tornou uma temática sensível em virtude do fanatismo exagerado. O futebol não deveria ser considerado um motivo para guerra, porém infelizmente é o que acontece em diversos casos como, por exemplo, o ocorrido em uma partida entre os rivais estaduais Flamengo e Vasco em 2017 que resultou em diversos torcedores feridos.


Perguntado sobre as diferenças existentes na abertura para a mídia entre os clubes brasileiros e europeus, Fred respondeu que teve a oportunidade de participar das coletivas de Liverpool e Manchester City, entretanto quando o assunto é Manchester United (clube que o jornalista tem admiração desde criança) a dinâmica é diferente. O Manchester United é fechado para alguns veículos de mídia, e Fred só teve oportunidade de participar de coletivas quando o jogo era da competição Champions League em que a TNT tem os direitos de transmissão. Apesar do choque, a oportunidade de entrevistar grandes técnicos como Guardiola e Klopp acabou ofuscando uma possível frustração por não fazer entrevistas com Solskjaer (técnico do Manchester United na época).


Apesar de terem percorrido caminhos diferentes dentro do jornalismo, hoje ambos atuam como correspondentes internacionais pela TNT Sports. São conhecidos também pela amizade que mantêm dentro e fora do ambiente profissional. Mesmo que realizem funções similares dentro do jornalismo, é possível perceber as experiências diferentes durante a entrevista. Saiba mais sobre a conversa com Tati e Fred aqui.

8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo