Buscar

Live ECOnversa Ryan Lobo

Atualizado: 10 de mar.

Por Mariana Salazar



Na última quinta-feira (13) o projeto ECOnversa recebeu o jornalista Ryan Lobo que é recém-formado pela universidade Unicarioca e tem especialização em jornalismo esportivo. Atualmente, Ryan trabalha na BandNews fazendo a cobertura do ‘’Jornal Brasil urgente’’ e ‘’Jornal da band”, além dos programas da rádio BandNews FM.


Na entrevista que foi realizada pelos alunos de jornalismo da ECO (Escola de Comunicação da UFRJ) Deryck Alves e Jean Costa, Ryan contou de sua trajetória com o jornalismo, falou sobre o começo de sua carreira na rádio BandNews FM ainda como estagiário do quarto período da faculdade e após o término desse período foi contratado como repórter da emissora.

(Foto: equipe de design econversa)


No início da entrevista, Ryan foi interrogado sobre o porquê dele ter escolhido o curso de jornalismo e revelou que nunca tinha pensado antes em ser jornalista, visto que durante sua adolescência sempre foi um menino de poucas palavras. Por outro lado, o amor pelos esportes o fez refletir que possivelmente teria vocação pela profissão. Anos após essa decisão, Ryan afirma que se encontrou na área a partir do momento em que começou a estagiar.


Primeiramente, quando Lobo começou o estágio, tinha alguns problemas em relação a autoconfiança como qualquer outro estudante ainda em processo de formação. Apesar disso, seus chefes sempre o alertaram que a naturalidade no momento de passar a notícia era essencial e que erros seriam cometidos, mas que a informação de maneira nenhuma poderia ser errada.


Com o início da pandemia, assim como toda a sociedade, os jornalistas precisaram se reinventar e Ryan afirma que houve uma resistência da sua parte em relação ao home office, por não se sentir confortável em trabalhar de casa devido aos diversos fatores externos que o atrapalhavam. Além disso, a redação e a interação com os colegas fizeram muita falta para ele nesse período.


Um dos momentos que mais marcou sua carreira até agora foi quando o convidaram para substituir a também jornalista Francini Augusto, que era uma “super querida do público’’. Outro momento marcante ocorreu no dia em que ele noticiou o início da vacinação na cidade do Rio de Janeiro. “Foi um dos dias mais marcantes, eu estava no hospital Ronaldo Gazolla, em Acari, que era um foco do tratamento de covid, mas por outro lado pude noticiar o começo da vacinação. Foi uma sensação de esperança para a população. Eu perdi um tio muito querido para a covid e poder passar essa informação não tem coisa melhor”, afirma Ryan.


Quer saber um pouco mais da nossa entrevista e do nosso projeto? Acesse o link abaixo

https://www.instagram.com/tv/CYsDoTookm8/?utm_source=ig_web_copy_link




76 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo