Buscar

A mídia independente no jornalismo esportivo

Rodrigo Carvalho


Com a popularização das redes sociais e dos aplicativos de streaming como o Youtube, o Tik Tok e a Twitch, se tornou cada vez mais fácil mostrar a sua visão sobre o mundo, o que atraiu uma enorme quantidade de pessoas a acessar esses meios de comunicação. No esporte, pessoas de todos os lugares do Brasil começaram a criar contas nesses aplicativos para expor suas ideias. Assim, surgem novas personalidades no mundo dos criadores de conteúdo. Muitas vezes, são pessoas que não frequentam os meios tradicionais de comunicação como televisão, jornal e revista, formando assim a chamada “mídia alternativa”.


Um dos principais motivos para o sucesso da chamada mídia alternativa é a liberdade desses criadores de conteúdo. O influencer Casimiro, por exemplo, se tornou famoso com suas transmissões esportivas, quando faz uso indiscriminado de gírias. Exemplo disso é o famoso bordão “meteu essa?” - que virou meme pelo país, mas seria impensável durante as transmissões da televisão e rádio na mídia tradicional. Outro criador de conteúdo, Farid Germano Filho, ficou conhecido por ser extremamente efusivo durante as suas análises sobre os jogos do Grêmio.


Casimiro Miguel, Farid Germano e Barolo (Imagem: Reprodução)

Outro ponto que favorece o crescimento da mídia alternativa é a interação entre os criadores de conteúdo e o público e a possibilidade de deixar o conteúdo disponível na internet ou plataformas de streaming. É uma estratégia que vem sendo repetida inclusive na mídia esportiva tradicional. Exemplo disso é o programa “Donos da Bola” da Rede Bandeirantes, transmitido tanto no canal de televisão quanto no Youtube, o que possibilita que o programa possa ser assistido a qualquer momento.


Esses meios de comunicação também fornecem uma maneira de interação entre criador e público através tanto do chat, um canal direto de comentários em que os criadores leem as mensagens que o público escreve. Com isso, o público se sente parte da transmissão.


Por fim, mais uma coisa que torna a mídia alternativa muito forte é um sentimento de conexão entre os conteúdos. Casimiro, em suas lives, reage a outros conteúdos, como vídeos de Barolo, um influenciador que faz vídeos sobre o São Paulo Futebol Clube. Com isso, o público de Casimiro tem acesso aos conteúdos de Barolo, e vice-versa.


7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo